quarta-feira, 2 de abril de 2008

Planeta lixo.




Desde o surgimento da escrita o homem registra as mudanças do clima. Não raras vezes foram encontradas indicações gráficas de enchentes, furacões, chuvas torrenciais, secas e outras variações climáticas. Em tese, todos acontecimentos naturais do globo, que mantém a biodiversidade e os ecossistemas do planeta.
Acontece que, com a modernização e evolução da tecnologia nos mais variados campos da ciência, a devastação da Terra vem acentuando de forma imensurável tais ocorrências, causando milhões de mortes de seres humanos.
Parece demagogia. Mas não é. Basta lembrarmos da Tsuname que de uma vez só matou mais de 400 mil pessoas. Sendo assim, após a semana de comemoração do dia internacional do uso racional da água é mais do que pertinente nos preocuparmos também com os resíduos que produzimos.
Estudos já comprovam que uma pessoa produz em média 1 kg de lixo por dia. Para onde vai toda essa sujeira? Na maioria das vezes, para água. Do que adianta termos um dos maiores aqüíferos do mundo se ele estiver poluído?
Pense nas seguintes questões. Para onde vão todas as sacolas plásticas que você recebe ao sair do mercado? Para onde vai à água do vazo? Da torneira? Você pensa que a água é um bem renovável? Alguma vez você já refletiu em economizar água? Produzir menos lixo?
Esta na hora de pensar. O homem já fez guerra por petróleo. Em um futuro próximo, também fará pela água. Lembre-se dos seus filhos, pois a terra logo deixará de ser o planeta água e graças a nós, será o planeta lixo.

Um comentário:

Raul disse...

Otimo post muito bom mesmo !
"a modernização e evolução da tecnologia" Vem causando danos irreparaveis à natureza e as pessoas ñ estão se dando conmta, ou simplesmente ignoram o fato de que os atos de cada individui influencia sim na natureza!